loading please wait..

10 DICAS PARA MONTAR UMA APRESENTAÇÃO INCRÍVEL

10 DICAS PARA MONTAR UMA APRESENTAÇÃO INCRÍVEL (SEM TER QUE RECORRER A ILLUSTRATOR E SEMELHANTES)

 

#1 ANTES DE COMEÇAR, FAÇA UM PLANEJAMENTO DOS SLIDES

Anote em um caderno ou até em um “doc” do Word tudo aquilo que você planeja abordar na apresentação. Feito isso, organize os assuntos em tópicos, seguindo uma sequência lógica. Por fim, pense em onde encaixar momentos de interação com a plateia e/ou descontração.

#2 ESCOLHA UM TEMA PARA SUA APRESENTAÇÃO

Apresentações padrão usando templates prontos do PowerPoint ficaram no passado. Para despertar maior interesse da plateia, escolha um tema. Pode ser algo abstrato ou mais específico mesmo.

Uma dica legal é buscar analogias entre o que está sendo abordado na apresentação e o tema dela. Outra dica é, caso não surja nenhuma ideia interessante, busque inspiração no http://br.freepik.com/, lá existem vetores e conteúdos gráficos que podem servir de gatilho ou até de base para a elaboração de uma apresentação massa!

#3 MAIS IMAGENS, MENOS TEXTO!

Slides com muito conteúdo escrito tornam a sua visualização cansativa e reduz o interesse daqueles que assistirão à apresentação. Portanto, opte por poucas palavras ou tópicos para elucidar o que será abordado, sempre ilustrando com imagens. Na hora de apresentar, você fala o que deve sem que tudo esteja necessariamente escrito minuciosamente nos slides.

#4 PERGUNTAS SÃO A MELHOR FORMA DE INTRODUZIR UM TÓPICO

Tente sempre começar um tópico da apresentação com uma pergunta para a qual o tópico será a resposta. É uma forma legal de trazer dinamismo à apresentação, interagir com o público, e dar a deixa para que você responda à pergunta sem demonstrar que houve uma quebra na continuidade da apresentação, como costuma ocorrer ao introduzir tópicos da forma tradicional.

#5 A PRIMEIRA IMPRESSÃO É MUITO IMPORTANTE!

Uma capa bonita pode não dizer tudo, mas diz muito sobre uma apresentação! Então, procure sintetizar nela o tema dos slides que se seguirão, introduza a paleta de cores de forma sutil e busque um título que desperte a curiosidade daqueles que estiverem assistindo.

#6 DEFINA UMA PALETA DE CORES QUE DIALOGUE COM AS IMAGENS QUE SERÃO USADAS

Dentre as várias formas de conseguir estabelecer esse diálogo, têm-se três exemplos:

– Escolha uma paleta de cores que te agrade e, a partir dela, escolha imagens que contenham uma ou mais das cores da paleta;

– Escolha imagens (que se relacionem visualmente ou sigam certo padrão) e, baseando-se nelas, escolha a paleta mais adequada;

– Combine a paleta com imagens em preto em branco (no próprio PowerPoint é possível colocar efeito P&B nas fotos).

Não sabe que paleta escolher? Dá uma olhada no http://www.colourlovers.com/palettes, lá você encontra milhares (literalmente) de opções já prontas para escolher, com os códigos HEX e RGB de cada cor, além da possibilidade de pesquisar paletas que contenham uma determinada cor que você quer usar.

Não sabe onde encontrar ótimas fotos? Pinterest, Freepik ou Google (Sim! Google também é uma boa! Lá, é possível filtrar a pesquisa de imagens por tamanho e cor).

#7 CASO VOCÊ NÃO QUEIRA USAR IMAGENS, OPTE POR ÍCONES!

No www.flaticon.com você encontrará todo e qualquer ícone que você quiser na vida (e até os que você não queria kkkk)! Lá é possível pesquisar por tema e até por cor ou tipo da linha das formas. 

Uma dica legal é escolher em http://www.flaticon.com/packs?order_by=1&color=2 um pack de ícones coloridos que se enquadre no tema da apresentação e usá-los no lugar das imagens, escolhendo, inclusive, a paleta de cores a partir deles, já que cada pack possui uma paleta de cores que se repete em todos os ícones.

#8 UTILIZE UMA COMBINAÇÃO DE 2 A 4 FONTES (NADA DE ARIAL OU CALIBRI POR FAVOR!)

É importante diferenciar os diversos conteúdos escritos dos slides que compõem a apresentação, para isso aí vão algumas dicas:

– A fonte do título sempre deve ser mais “pesada” (regular ou bold) e, dependendo do caso, ornamentada. Essa é uma forma de chamar atenção para ele e garantir uma maior organização visual.

Obs: Os títulos também podem ser feitos com a combinação de 2 ou até 3 fontes. Nesse caso, a dica é trabalhar com uma fonte cursiva e outra mais de forma, preferencialmente sem serifa (https://pt.wikipedia.org/wiki/Serifa).

– Os subtítulos, que podem estar presentes ou não nos slides, devem ser escritos com fontes simples (light), quem sabe, alongadas. Isso cria um equilíbrio visual.

– A escolha da fonte do texto corrido deve presar sobretudo pela facilidade e conforto na leitura. Portanto, teste antes de aplicar em toda a apresentação e acabar errado feio!

Se mesmo com essas dicas ficou difícil combinar as fontes, relaxa! No Pinterest e outros sites há inúmeras combinações de fontes já prontas. Uma vez escolhida a que mais lhe agrada, é só baixar as fontes e pronto!

Onde baixar? www.dafont.com/pt/ ou http://www.urbanfonts.com/ ou http://www.1001freefonts.com/

Não sabe como baixar fontes? Se liga aí https://www.youtube.com/watch?v=zXy0_ZVAk8E

#9 COMO RETIRAR O FUNDO DE IMAGENS SEM USAR PROGRAMAS DE DESIGN GRÁFICO

Você sabia que é possível retirar o fundo de imagens no próprio PowerPoint? Sim! É possível!

Basta inserir a foto no slide, clicar nela, ir lá em cima em “formatar” e em seguida, na primeira opção à esquerda, clicar em “tirar fundo”. O resto é bastante intuitivo, então, conforme você for fazendo vai entendendo como funciona! É super simples e evita a necessidade de recorrer ao Illustrator, CorelDraw ou outra ferramenta do tipo.

foto

#10 SEMPRE FINALIZE COM UM SLIDE DE AGRADECIMENTO

Não importa qual o tipo de apresentação ou o seu contexto, finalize sempre com um slide de agradecimento. Um simples obrigado já basta! Aproveite para pôr seu nome e, dependendo da situação, seus contatos. (É uma ótima forma de dar a deixa para os aplausos! Haha)

INCLUSIVE, OBRIGADO!

 

Texto de Lucas Felício – Coordenador de Projetos da FEJECE

Posted on 27/10/2016 in Dicas

Share the Story

About the Author

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *